O orçamento atual do governo regional de Loreto não é suficiente e será aumentado para expandir e reforçar a ação preventiva contra a raiva silvestre na província de Datem do Marañón, disse o vice-ministro de Saúde Pública, Percy Minaya.

Ainda não há comentários. Deixe um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.