Postado em

Adaptação ao clima não pode ficar para amanhã

No Peru, comunidade ribeirinha pratica gestão da flora e fauna para evitar mudanças climáticas. Chuvas atípicas em tempos de seca, por exemplo, já afetam a biodiversidade local.

Ainda não há comentários. Deixe um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.