Postado em

Greenpeace denuncia madeireira em assentamento do INCRA

ONG volta a denunciar corte ilegal de madeira em assentamento do Incra, no município em Santarém, Pará. Primeiro alerta foi dado há 5 anos.

Ainda não há comentários. Deixe um comentário!

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.