O Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais alertou nesta quarta (27 de julho) para o perigo da seca extrema que já se aprofunda neste mês. O número de queimadas, como sempre, se eleva nesta época. Abaixo um mapa com a última contagem feita pelo sensor VIIRS, que possui maior resolução e revelou mais de 6000 focos de calor no dia 26 de julho.